17 Abril > 22 Maio

Filipe Patrício

FOUR PAINTINGS AND LIGHT, A COLOR PROJECT

A religiosidade e o sagrado, ocultam-se na matéria mais profunda do pensamento. Permanecem aparentemente encerradas nas suas rotinas diárias, nas relações do conhecimento e dos saberes, fruto de etapas anteriores da sua evolução, das suas primeiras descobertas, dos seus erros, dos ritos e mitos em que agora o homem já não acredita.

São camadas que se sobrepõem e justapõem, como parte integrante do ser, velaturas que na sua transparência conferem maior profundidade à sua existência.

O ser humano continua sensível aos encantos e segredos da natureza. Ele próprio encerra no seu ADN, tempo e intemporalidade, tão próximo do universo, do cosmos, faz parte dele…

Possivelmente é nesta relação que Filipe Patrício ao longo do seu percurso tem insistentemente cruzado sua obra com um labor quase xamânico, na sua pesquisa sobre a cor. Tem disposto no seu discurso pictórico, uma viagem quase vertiginosa no universo dessas percepções, dessas frequências, dessas reflexões que a matéria produz em certas condições de luz.

No projecto que apresenta agora no Quarto Escuro – Project room essa manipulação da cor manifesta-se em quatro telas e num cordão de luz, como se tratasse de um cenário sem efeitos especiais…

João Baeta


About this entry